OS QUATRO ELEMENTOS 4- UNIVERSO DE AGUA- JOSY TORTARO

image

2011
Difícil traduzir o que via. Era obscuro, borrado e sem sentido até que uma cena se destacava e me
chocava com o horror que podia identificar nos flashes sequenciais, como quadros de filmes
animados passados em câmera lenta. Ao final, os acelerava mentalmente e em um segundo
compreendia sua essência.
Agora o cenário era cinza-escuro com flashes brancos que surgiam de quando em quando
além da cortina embaçada. Senti que se movia sem necessariamente mexer os pés. Quando parou, uma porta se abriu e correu descalça. Doía. Era mais escuro ali, somente uma luz próxima iluminava ao redor, um pouco menos nebuloso como se o que mais obstruía sua visão tivesse sido removido.
Havia um som alto e forte de água. Havia água por todos os lados. E desespero. Um grito
ecoou medonho. Um chamado que insistia, mas não recebia resposta. Água e o resto era silêncio.
Solidão. Abandono. Loucura. Sensações que me sufocavam enquanto assistia àquela cena forçada.
Insano? Água abundante. Pressão. Escuro que se movia lentamente. Para a esquerda.
Para a direita. Ir para cima? Não, para baixo e para frente. Luz e esperança. E água, muita água.
A luz crescente. Estava quase claro suficiente para ver. A água, o escuro e o fogo. Fogo sob a água?
Escuridão novamente.

Um comentário:

  1. Olá, tudo bem? Se estiver fornecendo meus livros da saga Os Qu4tro Elementos em eBook para seus leitores, gostaria de pedir que retirasse do seu site, por gentileza. Obrigada pela compreensão e consideração com meu trabalho.

    ResponderExcluir

NÃO SE ESQUEÇA DE COMENTAR !